NORMAS

NORMA EN 420

REQUISITOS GERAIS

A norma EN 420 define os requisitos gerais em termos de identificação do fabricante, da marca, composição do produto, modo de utilização e conservação, ergonomia, conforto e destreza.

normas-01

Quando este pictograma aparecer significa que o utilizador precisa consultar as instruções de utilização do produto.

NORMA EN 388: 2016​

RISCOS MECÂNICOS
A norma EN388 aplica-se a todas as classes de luvas de proteção, no que se refere a agressões mecânicas e físicas por: abrasão, corte, rasgo e perfuração e é representada pelo pictograma abaixo.
normas-riscos-mecanicos

O teste é realizado da seguinte forma, o material-teste é colocado sobre uma área e uma máquina que contém instrumento para fricção de tamanho e peso fixos, com cobertura de material abrasivo padrão, move-se de forma circular sobre a peça-teste. São realizados testes em quatro amostras, sendo que o resultado é a quantidade do número de ciclos necessários para desgastar o material.

Uma lâmina rotativa circular livre sob pressão de um peso padrão é movida para trás e para frente sobre a superfície do material de teste. O resultado do teste é o número de ciclos realizados a fim de que a lâmina consiga cortar o material.

O material é fixado nas garras de uma máquina de teste de resistência. As mandíbulas são separadas em velocidade constante e a força necessária para rasgar o material é verificada, podendo assim, saber o quanto o material é resistente.

Um punção arredondado é impulsionado sobre o material a uma velocidade fixa. A força necessária para o punção furar o material é a medida de resistência.

O teste (TDM-100) é a resistência aos cortes segundo as normas ISO, o valor de medição varia entre A e F, onde A significa o menor valor e F o maior.
Proteção ao impacto, sendo que a letra P indica que a luva foi aprovada e F informa que foi reprovada.

NORMA EN 374

RISCOS QUÍMICOS E MICROORGANISMOS

A norma EN 374 aplica-se a todas as classes de luvas de proteção, no que se refere a proteção do usuário contra agentes químicos e/ou microorganismos.

en374-glk
O pictograma que identifica esta norma é acompanhado por um código de letras. As letras GLK representam 3 dos 18 produtos químicos (classes). Para ser aprovada a luva deve obter um tempo de permeação ≥ 30 minutos para pelo menos 3 produtos químicos, conforma a lista abaixo.
en374-glk-02

NORMA EN 407

RISCOS TÉRMICOS (CALOR)

A norma N 407 aplica-se a todas as classes de luvas de proteção referente a agressões térmicas.

São seis os requisitos básicos:

  • Propagação a pequenas chamas;
  • Calor de contato; 
  • Calor convectivo;
  • Calor radiante;
  • Impacto de respingos de metal e
  • Grande quantidade de metal.


São representados por este pictograma.

342414

NORMA EN 511

RISCOS TÉRMICOS (FRIO)

A norma EN 511 aplica-se a todas as classes de luvas de proteção para riscos térmicos, baixas temperaturas. São representados pelo pictograma abaixo:

en511


Todos os produtos fabricados por Acrilon estão em conformidade com as Normas Européias e Normas Regulamentadoras (NR-6) acompanhadas de Certificados de Aprovação do MTE.

×

Olá!

Clique aqui para falar conosco pelo WhatsApp

× Como podemos ajudar?